Notícias


11/11/2019 18:16

‘Eu não conheço nenhum município pequeno que não melhorou a sua infraestrutura’, diz Júlio César

O deputado federal Júlio Cesar (PSD), conhecido pela defesa da municipalidade, se pronunciou na tribuna da Câmara dos Deputados, em Brasília –  DF, sobre a proposta do Governo Federal, através do ministro da Economia, Paulo Guedes, de extinguir 1.200 municípios, encaminhada ao  Conngresso  Nacional. Ele relatou que a criação dos novos municípios desde 1991 acompanhou o crescimento da população brasileira, que naquela época era de 157 milhões e na atualidade é de 2010 milhões, segundo estimativa recente do IBGE.

O deputado alegou que a gestão municipal foi descentralizada após a criação dos novos municípios. “Eu não conheço nenhum município pequeno que não melhorou a sua infraestrutura, as condições de vida de cada homem, de cada mulher que lá existem”, comentou.

Enquanto o Piauí perderia em torno de 70 municípios caso a proposta fosse aprovada no Congresso Nacional, o prejuízo seria maior para estados mais ricos e populosos do  Brasil. O deputado fez a relação durante o seu pronunciamento: o Rio Grande do Sul perderia 231 municípios; Minas Gerais, 231 municípios; São Paulo, 143; Paraná, 102, e Santa Catarina, 106.

“Então, a região que mais vai perder é a região rica. Para se ter uma ideia, o Norte criou apenas 69 municípios, o Nordeste, 228, o Centro-Oeste, 135; o Sudeste vai perder 375 municípios, e o Sul é o que mais perde, 439 municípios, então essa ação é maléfica para o Pacto Federativo”, comentou.

Júlio César lembrou que é o único deputado federal pelo Piauí que foi prefeito (de Guadalupe, em 1988), portanto defende a revisão do Pacto Federativo.  “Eu faço um apelo ao ministro da Economia, isso não é economia, é centralizar a administração pública, e essa descentralização tem ajudado muito a melhorar a vida do provo brasileiro”, declarou.

Fonte: Cidades em Foco